domingo, 9 de fevereiro de 2014

Essa coisa do "é porque não tinha de ser"

É algo que nós dizemos aos outros e a nós próprios para nos enganarmos, para tentar aligeirar a verdade quando algo não corre exactamente como queríamos, certo? É por aí não é?
Hoje dei comigo a pensar nesta questão filosófica a propósito de uma entrevista de emprego que me correu mal, relativamente a um cargo que eu queria mesmo ter. "É porque não tinha de ser", dizem-me. Certo. E então, o que tem de ser? É isto? Este emprego que tenho que me obriga a trabalhar fins-de-semana, semana, noites e tudo o que for preciso? Este emprego de que não gosto?
É então isto que tem de ser e não outro que eu queria que fosse?
Se assim é, onde se preenche o requerimento para desistir?
Grata.

2 comentários:

GATA disse...

Infelizmente também ouço muitas vezes essa frase e ainda estou à espera, tal como tu, do que tem de ser!!!

A Página Trinta disse...

Talvez...talvez seja isso Bomboca!
Mas também quero acreditar que é porque outro bem melhor está à tua espera!