segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Vamos lá ver se eu consigo falar disto sem me enervar- A reportagem sobre os casamentos de menores na comunidade cigana

Já por aqui disse que não tenho especial simpatia pelo povo cigano. Convivi com eles de perto, durante muitos anos, para ter esta opinião mais do que formada. Eles não respeitam as mais simples regras de convivência em sociedade. Aquela reportagem da sic, da passada quinta-feira, foi apenas mais um exemplo.
Ora, eu nem sei por onde começar. Pelos miúdos (e graúdos...) com péssimo aspecto, sem cuidados básicos de higiene? Pela evidente falta de valores que impera naquela comunidade?
Dizia um senhor que não existiam casamentos forçados na comunidade. Por outro lado, várias pessoas afirmavam que um rapaz não podia renunciar a um casamento combinado. Se isto não é forçado, então o que é?
Contradições atrás de contradições.
E a cereja no topo do bolo? Foi um fulano, de etnia não cigana, que com 24 anos engravidou uma miúda de 11, foi um ano para a cadeia (1 ANO???), e agora vivem juntos, com uma carrada de filhos, como se nada fosse.
Escusado será dizer que ninguém daquela gente trabalha, vivem todos do RSI, ou seja, às nossas custas.
Adorei também um senhor que dizia que "então, nós evoluímos, queriam que déssemos banho às crianças, nós damos, queriam que fossem para a escola e elas agora já vão...". Realmente, que evolução! É mesmo de louvar.
A meu ver, esta reportagem apenas veio confirmar aquilo que eu sei há muito tempo sobre a comunidade cigana em geral. E a minha opinião não poderia ser mais negativa.

5 comentários:

Anónimo disse...

Concordo plenamente. Achei absolutamente ridículo o que vi/ouvi naquela reportagem. Como é que aquela gente se refere a "nós" que lhes pagamos o vencimento mensal, como os portugueses. Que eu saiba cigano não é um país. Ser pobre não é defeito, a verdade é que nunca fizeram nada para alterar a situação, já ser ladrão e porcalhão é um grande defeito. Arre esta gente irrita-me! Tenho dito.

Carla Tato disse...

Também vi essa reportagem. Eu ja tive boas e más experiências. Infelizmente mais más q boas, por isso a minha opinião tambem não é muito positiva.
Beijinhos e não se enerve. Olhe o bomboco :)

Anónimo disse...

não querem saber das "nossas" leis, só do nosso dinheiro... cambada de parasitas

Anónimo disse...

não querem saber das "nossas" leis, só do nosso dinheiro... cambada de parasitas

Anónimo disse...

Eu não tinha nada contra os ciganos até vir viver para Camarate. Mas quem diz Camarate, diz outro sitio qualquer.
Gente desprezível e que se acha maus esperta que os outros e acima da lei e das regras de educação e de convivência.